Buscar
  • Dr. Elder Gil

Você sabia que existem vários tipos de Diabetes ?


Nesta primeira postagem do nosso Blog converso com a Dra. Klevia Feitosa Endocrinologista da Clínica do Coração Dr. Elder Gil sobre os tipos de Diabetes e suas particularidades.

Dr. Elder Gil: Dra. Klevia Feitosa, explica para nossos leitores o que é o Diabetes?

Dra. Klevia: O Diabetes Mellitus (DM) é uma doença metabólica, caracterizada pelo aumento da glicose no sangue (hiperglicemia). A glicose é a principal fonte de energia para o funcionamento das nossas células, mas, para ser utilizada adequadamente pelo nosso corpo, é necessário um hormônio chamado INSULINA, produzido no pâncreas, pelas células beta pancreáticas. O Diabetes se desenvolve por defeitos na secreção ou na ação da insulina.

Dr. Elder Gil: Quais são os tipos de Diabetes?

Dra. Klevia: existem vários tipos de diabetes, sendo os mais comuns o Diabetes tipo 1, o Diabetes tipo 2 e o Diabetes Gestacional. No Diabetes tipo 1 o sistema imunológico ataca, equivocadamente, as células beta pancreáticas. Logo, pouca ou nenhuma insulina é produzida para o corpo. Ocorre em cerca de 5-10% dos casos da doença, sendo bem mais comum na infância e adolescência, mas também pode acontecer em adultos.

O Diabetes tipo 2 corresponde a 90 a 95% dos casos de diabetes, causado pela resistência à ação da insulina em um indivíduo com incapacidade pancreática de manter os níveis séricos de insulina altos o suficiente para vencer essa resistência. Tem entre seus fatores desencadeantes: a genética (forte herança familiar) e os hábitos de vida (alimentação inadequada e inatividade física). A maioria dos pacientes com essa forma de DM apresenta sobrepeso ou obesidade, e é geralmente diagnosticada após os 40 anos.

O Diabetes gestacional se define por hiperglicemia detectada pela primeira vez durante a gestação, mas sem preencher critérios que já estabeleçam como diabetes prévio. Na maioria dos casos, desaparece ao final da gestação, porém essas mulheres têm risco maior de desenvolver Diabetes tipo 2 posteriormente. No Brasil, cerca de 18% das gestações são complicadas pela hiperglicemia gestacional, com inúmeros impactos na saúde materna e fetal.

Outros tipos específicos de diabetes são bem mais raros que os anteriores e estão relacionados com defeitos genéticos na função do pâncreas ou na ação da insulina, com doenças pancreáticas como tumores ou pancreatite, com outras doenças endócrinas (síndrome de Cushing, hipertireoidismo, acromegalia) e com uso de medicamentos, como corticóides.

Para ter acesso a mais conteúdo, siga o instagram dos nossos especialistas dr.eldergil_ e dra.kleviafeitosa.

130 visualizações0 comentário